Cooperativa de apicultores inaugura loja no Norte de Minas

A Cooperativa de Apicultores e Agricultores Familiares do Norte de Minas (Coopemapi) inaugura nesta quinta-feira (16/2) uma loja no município de Bocaiúva, no Norte de Minas. Há quase um ano no mercado, Coopemapi vem fortalecendo a apicultura na região e despertando interesse dos trabalhadores rurais, em especial dos jovens, que apostam na atividade como alternativa de renda.

Atualmente, a cooperativa integra 13 municípios, com a sede em Bocaiúva. Todos os produtos dos cooperados estarão à venda no novo local, que vai funcionar na Rua Antônio Tibúrcio 563, bairro Pernambuco.

O gerente da cooperativa, Adriano Pereira, conta que a expectativa é produzir, ao ano, uma média de 516 toneladas de mel. Os apicultores também esperam abrir as portas do mercado internacional.

“A demanda no mercado externo está cada vez maior e estamos muito empolgados com os novos desafios que temos pela frente. Com o apoio da Emater-MG, vamos trabalhar a assistência técnica e consultoria especializada para engrandecemos a atividade na região”, destaca.

Segundo o coordenador técnico da Emater-MG, Luiz Fernando Mendes, um dos responsáveis pelo gerenciamento da Coopemapi, houve um crescimento de mais de 50% do número de cooperados interessados em investir na atividade.

“A região tem um potencial muito grande e produtivo para a apicultura. O resultado disso foi o avanço da cooperativa, em menos de um ano. Um dos nossos objetivos para 2017 é fornecer o mel para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)”, afirma.

Jovens e mulheres

Um dos diferenciais da Coopemapi é o envolvimento das mulheres e jovens rurais no quadro social da cooperativa. Adriano Pereira ressalta que essa é uma forma de mudar o padrão tecnológico da apicultura norte mineira, deixar um legado e permitir a sucessão na atividade.

“Esperamos bater o recorde de produção e, contamos com a força de um trabalho conjunto, envolvendo todos os parceiros que acreditam no crescimento da cooperativa”, diz Pereira.

Novas estratégias

Na última sexta-feira (10/2), a Emater-MG reuniu com a gerência do Banco do Brasil do município de Bocaiúva para traçar novas estratégias de empreendimentos da cooperativa e garantir geração de emprego na região. Também participaram do momento, representantes da Coopemapi, que na oportunidade, apresentaram as perspectivas do grupo nos próximos anos.

“A Coopemapi já desenvolve um trabalho muito produtivo na região. Com menos de um ano ela já mostrou que o empreendimento tende muito a crescer, beneficiando toda a população com o produto”, disse o gerente do Banco do Brasil em Bocaiúva, Michel Ramos.

Fonte: Agência de Notícias Minas Gerais

Deixe um Comentário