Tocantins contará com novo posto de classificação de grãos

A inauguração do mais novo posto de classificação vegetal do Tocantins, localizado na cidade de Pedro Afonso, será realizada na próxima sexta-feira, 10/2, às 8h. A finalidade é garantir maior controle da qualidade e agregação de valor aos produtos vegetais cultivados em 17 municípios do centro-norte tocantinense.

O laboratório é o resultado de uma parceria entre a Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa), o Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro), e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Participam da inauguração o presidente da Coapa, Ricardo Khouri, o governador Marcelo Miranda, o secretário de Agricultura do TO, Clemente Barros, além de outras autoridades locais e regionais.

LEI – A classificação de grãos é uma exigência da legislação brasileira que regulamenta a atividade por meio de instruções normativas do Mapa, para que a industrialização e a comercialização de produtos vegetais e seus derivados sejam realizados com qualidade e segurança alimentar dentro dos padrões oficiais.

É uma atividade auxiliar ao processo de comercialização dos produtos de origem vegetal, seus subprodutos e resíduos de valor econômico, que tem por finalidade determinar a sua qualidade com base em padrões químicos e físicos.

A certificação do posto foi aprovada pelo Mapa em outubro de 2015, após acordo de cooperação técnica celebrado com a Coapa e a Seagro. Desde que foi autorizado, o laboratório vem fazendo análises, sobretudo contraprovas. Além de Pedro Afonso, no Tocantins existem laboratórios implantados em Palmas, Paraíso e Gurupi.

Ricardo Khouri, presidente da Coapa, destaca a importância das análises oficiais para a comercialização de grãos na região, justificando que o laboratório deu mais credibilidade nas negociações comerciais entre o meio produtor, cooperados ou não da Coapa, e a parte compradora.

“Essa classificação vale em conflitos, ou quando há discordância. Funciona como um ponto de balizamento da qualidade de grãos da região já que agrega ao valor final do produto”, completou.

Todos os envolvidos na cadeia produtiva de grãos – produtores, tradings e armazéns gerais – têm o suporte necessário no posto de classificação. Depois de sua implantação em Pedro Afonso, eles têm obtido bem mais rápido os laudos de contra amostras de lotes de grãos, que antes era realizados em outros municípios e que demoravam a chegar aos interessados.

A importância do laboratório na região de Pedro Afonso justifica-se pelo fato dela ser atualmente uma das maiores produtoras de grãos do Tocantins já que abrange os municípios de Tupirama, Bom Jesus do Tocantins, Santa Maria do Tocantins, Recursolândia, Centenário, Rio Sono, Itacajá, Guaraí e Fortaleza do Tabocão.

Fonte: Coapa

Deixe um Comentário