Sebrae reage contra MP que prevê criação de agência de turismo

Em reunião nesta sexta-feira (10), por meio de videoconferência, a diretoria do Sebrae Nacional e os superintendentes da instituição nos estados repudiaram a proposta da medida provisória que prevê a destinação de 5% do orçamento do Sistema Sebrae para a criação de uma agência de promoção do turismo.

O presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, explica que a instituição investe há mais de 20 anos no fomento e na capacitação dos pequenos negócios na área do turismo, portanto, a ideia de retirar recursos do Sebrae para estimular o desenvolvimento do segmento contraria o papel já exercido pela entidade. Apenas no ano passado, a instituição atendeu 230 mil empresas de micro e pequeno porte que atuam no setor.

Afif destaca que o Sebrae e o Governo Federal são parceiros na implantação de políticas públicas para gerar emprego e renda por meio do empreendedorismo. Em janeiro deste ano, na sede da instituição, em Brasília, o presidente da República, Michel Temer, consagrou algumas dessas políticas ao lançar o projeto Empreender Mais Simples, que vai atender o universo de 11 milhões de micro e pequenas empresas.

“O Sebrae é um grande aliado do Governo Federal para melhorar o ambiente de negócios no país. Recentemente, investimos R$ 200 milhões para desenvolver e aprimorar sistemas, em parceria com a Receita Federal, que vão simplificar a gestão das micro e pequenas empresas. Vale ressaltar, ainda, que o Sebrae é um dos principais investidores na área de inovação tecnológica para efeito do desenvolvimento de startups e das empresas de alto impacto que hoje florescem no nosso mercado”, afirma Afif.

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Deixe um Comentário